COMO RETIRAR SEU CERTIFICADO INTERNACIONAL DA FEBRE AMARELA

Você sabia que agora você pode retirar online seu documento CIVP – Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia? Sem ele você pode não entrar nos países que exige certo tipo de vacina. Esse documento comprova a vacinação contra doenças como, por exemplo, a febre amarela, exigida em alguns países.
Somente pessoas que estão viajando com destino ou escala/conexão em países que exigem a vacinação precisam do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP).
Para saber as exigências de viagem de cada país, consulte as informações disponíveis no Sistema de Emissão do CIVP, na aba “Exigências de Viagem”.

Link: https://civnet.anvisa.gov.br/app/viajante/login?wicket-crypt=jQ229LmvuOQ

Abaixo segue as etapas necessárias para tirar o Certificado Internacional de Vacinação.

• Você pode se vacinar gratuitamente em um posto de saúde do SUS ou deve procurar os serviços de vacinação privados credenciados.
• Guarde o certificado de vacinação. Ele é o seu comprovante para solicitar o Certificado Internacional. A Anvisa não aplica a vacina.
• A vacina contra febre amarela deve ser tomada com antecedência de, no mínimo, 10 (dez) dias antes da viagem.
• Atenção: Se o seu objetivo é viajar para o exterior, você deve apresentar o comprovante de viagem antes da vacinação para que receba a dose única.

Com a comprovação da vacina adequada, o documento CIVP pode ser retirado de forma presencial, em uma unidade da Anvisa, ou impresso em casa. Escolha como você prefere emitir o seu Certificado. Se escolher emitir presencialmente procure uma unidade credenciada para emitir o CIVP. Agora se escolheu emitir em casa deve acessar Portal de Serviços do Governo Federal para imprimir o Certificado em casa. Você também receberá o arquivo no e-mail cadastrado no Portal de Serviços. O prazo para emissão é de até 15 dias úteis.

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA

1. Cartão nacional de vacinação. O cartão deve estar preenchido corretamente com:
• Data de administração, fabricante e lote da vacina.
• Assinatura do profissional que realizou a aplicação.
• Identificação da unidade de saúde onde ocorreu a aplicação da vacina.

2. Documento de identidade original com foto. São aceitos como documentos de identidade a Carteira de Identidade (RG), o Passaporte, a Carteira de Motorista válida (CNH), entre outros documentos. A apresentação da certidão de nascimento é aceita para menores de 18 (dezoito) anos.

Observação:

Criança/adolescente menor de 18 anos têm regras diferentes então para mais informações
link: http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia