SERÁ QUE VALE A PENA CONTRATAR SEGURO PARA VIAJAR?

Publicado em 06/12/2017 | Atualizado em 28/05/2019

Muita gente me pergunta sobre esse assunto. Será mesmo que vale a pena contratar um seguro para o período da viagem? Bom eu te digo: Não viaje SEM seguro! Eu mesma já precisei usar e foi a salvação. Então não subestime esse item na sua viagem, afinal de contas o valor que você vai pagar nele, normalmente é irrisório se você olhar o custo total da viagem. Veja aqui alguns tópicos interessantes para refletir:

1)      Qual a diferença do seguro do cartão para o seguro viagem da seguradora? A principal diferença é que, o seguro viagem do cartão de crédito escolhe qual plano o cliente pode utilizar e, muitas vezes, a cobertura disponibilizada não é a ideal para a viagem que o segurado está fazendo. Além disso, por ser um serviço adicional, o seguro dos cartões de crédito trabalha majoritariamente com o serviço de reembolso, ou seja, caso você precise de atendimento no exterior, irá precisar desembolsar o dinheiro que tiver para pagar pelas despesas médicas. Já com as seguradoras, é possível escolher o plano que melhor encaixa no tipo de viagem que a pessoa for fazer, garantindo a cobertura ideal, além de trabalharem com uma rede conveniada, onde o segurado não precisa pagar nada, caso necessite de atendimento. O seguro viagem possui toda assistência em caso de necessidade, como médico, hotel, direcionamento da rede hospitalar mais próxima e, em caso de traslado de corpo, a seguradora cuida de todo o processo.

2)      Vale a pena utilizar apenas o seguro de viagem do cartão de crédito? O benefício oferecido por algumas categorias de cartões pode até parecer economia, mas a cobertura disponibilizada pode ser insuficiente para a viagem planejada. Nas principais empresas do mercado – como Visa, Mastercard, American Express – esse serviço está disponível apenas para portadores das bandeiras superiores, como platinum e black. Além disso, para ter direito ao seguro, a compra da passagem deve ter sido realizada pelo cartão de crédito e a viagem deve ter duração máxima de 30 dias. Quem viaja para fazer intercâmbio ou mochilão terá que contratar um seguro viagem direto da seguradora. Práticas de esportes e complicações na gravidez também não costumam ser cobertas. Por isso, mesmo tendo direito a esse benefício, é preciso estar bastante atento a cobertura. O ideal é sempre ligar para a central do cartão, avisar que vai viajar e solicitar as condições gerais da cobertura de do seguro viagem disponibilizada. Lembre-se também de comparar o seguro das operadoras de cartão de crédito com os planos das seguradoras. Além de serem especializadas em seguros para viagem, essas empresas possuem planos mais completos e mais opções de cobertura. Você vai viajar e ainda não tem um seguro? Clique no link abaixo e faça com a gente um seguro bom, confiável e prático, ajustável às suas necessidades… e boa viagem!

(Atualizado em 28/05/2019)

Please follow and like us: